Busca

Road trippin' w ma 2 fav allies

Conhecendo a misericórdia divina (infinita) na minha alma

image

Começando a conhecer um pouco da infinita misericórdia de Deus com a minha (nossas) alma(s). Por mais miseráveis que nós sejamos, maior ainda é o amor de Deus e sua misericórdia conosco. Busquemos aprender a buscar a graça do amor e perdão de Deus através da contemplação de Sua divina misericórdia.

Meu Senhor Jesus, eu confio em Vós!

Anúncios

Paper published – Information Sciences 2014

Paper resultante das pesquisas de Doutorado de Maritan, mestrado de Lacet e Danilo, e trabalho dos nossos projetos GT-AaaS (RNP) e outros.

 

Title – An Approach to Generate and Embed Sign Language Video Tracks into Multimedia Contents

Abstract. Deaf people have serious problems to access information due to their inherent diculties to deal with spoken and written languages. This work tries to address this problem by proposing a solution for automatic generation and insertion of sign language video tracks into captioned digital multimedia content. Our solution can process a subtitle stream and generate the sign language track in real-time. Furthermore, it has a set of mechanisms that exploit human computation to generate and maintain their linguistic
constructions. The solution was instantiated for the Digital TV, Web and Digital Cinema platforms and evaluated through a set of experiments with deaf users.
Keywords: Accessible multimedia contents, Brazilian Sign Language, machine translation, accessible technologies for the deaf, sign synthesis

 

Paper accepted – WCGA 2014 (SBRC)

XII Workshop de Computação em Clouds e Aplicações (WCGA 2014)
Florianópolis, 5 de Maio de 2014
Evento do Simpósio Brasileiro de Redes de Computadores (SBRC 2014)

Paper que descreve as estratégias para tolerância a falhas e provisionamento dinâmico de recursos para o VLIBRAS – DAaaS, resultado parcial do meu trabalho de mestrado. 

Título – Deaf Accessibility as a Service: uma Arquitetura Elástica e Tolerante a Falhas para o Sistema de Tradução VLIBRAS

Abstract. When designed, Information and Communication Technologies rarely take into account the barriers that deaf people face. Currently, there are tools for automatic translation from spoken languages to sign languages, but, unfortunately, they are not available to third parties. To reduce these problems, it would be interesting if any automatic translation service could be publicly available. This is the general goal of this work: use a preconceived machine translation from portuguese language to Brazilian Sign Language (LIBRAS), named VLIBRAS, and provide Deaf Accessibility as a Service publicly. The idea is to abstract inherent problems in the translation process between the portuguese language and LIBRAS by providing a service that performs the automatic translation of multimedia content to LIBRAS. VLIBRAS was primarily deployed as a centralized system, and this conventional architecture has some disadvantages when compared to distributed architectures. In this paper we propose a distributed architecture in order to provide an elastic service and achieve fault tolerance.

Anais do SBRC 2014: http://www.sbrc2014.ufsc.br/anais/files/anais_sbrc2014.pdf

Sobre System Calls a partir de Java

Supomos que você tenha uma chamada de sistema que funciona quando você chama a partir do terminal. Se você executá-la com ProcessBuilder ou Runtime.getRuntime().exec(), e ela não funcionar (como funciona quando é chamada a partir do terminal) você deve estar enfrentando problemas na leitura dos streams (stdout/stderr) de saída do seu comando…

Como dito em http://alvinalexander.com/java/java-exec-processbuilder-process-3, se você não ler esses streams, sua chamada de sistema pode ser bloqueada.

“Because some native platforms only provide limited buffer size for standard input and output streams, failure to promptly write the input stream or read the output stream of the subprocess may cause the subprocess to block, and even deadlock.”

Já que a mesma linha em Java consegue executar outras chamadas de sistemas (com stream de saída menores), podemos ficar tentados a achar que o problema não está no nosso código. Mas de fato está, no modo em como lidamos com esses streams de saída.

Portanto, estou compartilhando este link (http://alvinalexander.com/java/java-exec-processbuilder-process-3), que pode ajudar pessoas a solucionar seu problema, assim como o meu foi solucionado.

PDCAT Presentation

http://prezi.com/dczanwh6v6dg/a-scalable-and-fault-tolerant-architecture-to-provide-deaf-a/#

A Santa Missa

De fato, algumas coisas merecem ser compartilhadas. Compartilho com vocês um ensinamento sobre a Santa Missa pela Virgem Maria e por Jesus, que aprofundará sua experiência espiritual na Celebração Eucarística. Tive oportunidade de ver isso através de uma reunião do EJC, e acho que é algo que toda pessoa deveria saber, pra melhor compreender a Santa Missa.

Pdf: ASantaMissa

Fonte: http://grandecruzada.leiame.net/?Os_livros%3AA_Santa_Missa

Paper Accepted – PDCAT’13

PDCAT’13 – 14’th International Conference on Parallel and Distributed Computing, Applications and Technologies

Paper que descreve os objetivos e resultado parcial do meu trabalho de mestrado.

Título: A Scalable and Fault Tolerant Architecture to Provide Deaf Accessibility as a Service

Abstract—Deaf people face serious difficulties to access information. The fact is that they communicate naturally through sign languages, whereas, to most of them, the spoken languages are considered only a second language. When designed, Information and Communication Technologies (ICTs) rarely take into account the barriers that deaf people face. It is common that application developers do not hire sign languages interpreters to provide an accessible version of their app/site to deaf people. Currently, there are tools for automatic translation from sign languages to spoken languages, but, unfortunately, they are not available to third parties. To reduce these problems, it would be interesting if any automatic translation tool/service could be publicly available. This is the main goal of this work: use a preconceived machine translation from Portuguese Language to Brazilian Sign Language (LIBRAS) (named VLIBRAS) and provide Deaf Accessibility as a Service (DAaaS) publicly. The idea is to abstract inherent problems in the translation process between the Portuguese Language and LIBRAS by providing a service that performs the automatic translation of multimedia content to LIBRAS. VLIBRAS was primarily deployed as a centralized system, and this conventional architecture has some disadvantages when compared to distributed architectures. In this paper we propose two distributed architectures in order to provide a scalable service and achieve fault tolerance. For conception and availability of this service, it will be used the cloud computing paradigm to incorporate the following additional benefits: transparency, high availability, and efficient use of resources.

http://ieeexplore.ieee.org/xpls/abs_all.jsp?arnumber=6904279&tag=1

Citação do dia

Check out @Startupsfm’s Tweet: https://twitter.com/Startupsfm/status/364746409716637696

Licenciatura em Computação a Distância – UFPB Virtual

E aqui estamos novamente! Depois de um bom tempo, tive vontade de escrever sobre algo no blog. O que motiva esse post foi a criação e início das aulas de Licenciatura em Computação a Distância, curso oferecido pela UFPB Virtual.

Antes de conhecer esse mundo da EAD (Ensino a Distância) achava tudo meio utópico, creio que tinha um pouco de preconceito (conceito adquirido previamente, sem conhecer o objeto no qual estava julgando) sobre a eficiência na transmissão de conhecimento/educação a distância. Mas a partir do momento que fui trabalhando nesse meio, comecei a perceber as sutilezas da EAD, seus propósitos, sua sistemática, e sua importância.

O fato é que dificilmente um curso de EAD terá o mesmo grau de importância/dificuldade do que um curso presencial. Não temos como comparar um curso 100% presencial com um curso a distância que eventualmente tem momentos presenciais. No presencial, os alunos tem suas aulas normais/convencionais (e acima de tudo presenciais) com seus professores, e isso facilita a interação, aprendizado, e possibilidade de tirar dúvidas com eles.

Mas então, qual seria o propósito da EAD? A EAD está aí pra suprir aquelas pessoas que moram distante das grandes cidades, que por sua vez não possuem as universidades públicas e privadas, e etc. Além do mais, parte dessas pessoas que moram longe são humildes e não tem capacidades financeiras suficientes para ficar se deslocando grandes distâncias diariamente. Outro ponto é que a concorrência dos que estudaram em grandes cidades (em escolas particulares) é desleal para com quem sempre estudou em cidades do interior e infelizmente teve acesso a uma educação de qualidade por vezes inferior. Assim, a gente pode perceber que a EAD surge como uma oportunidade para essas pessoas que por azar do destino foram injustiçadas socialmente. E por último, mas não menos importante, a EAD possibilita que pessoas que já têm família e trabalham o dia inteiro possam complementar sua formação acadêmica.

São esses e outros inúmeros pontos que torna o trabalho da EAD brilhante! E é por isso que me sinto extremamente feliz em poder contribuir para esse trabalho. Principalmente, dentro da área na qual trabalho: Computação.

Desejo sorte e garra aos novos e pioneiros alunos desse também novo curso. É bom lembrar que a batalha é árdua, e Computação é e sempre será um curso difícil. Lembrem-se, as coisas mais difíceis tornam-se bem mais gratificantes quando alcançamos! Se motivem, se dediquem, e conseguirão o tão sonhado diploma! E no que precisarem, podem contar com seus tutores a distância, tutores presenciais, e professores!

Blog no WordPress.com.

Acima ↑